HEREDITÁRIO | INQUIETANTE E AGONIANTE

Categorias Filmes e Séries, Geek/Nerd

Hereditário lançou em Junho de 2018 e vem dividindo opiniões desde então. Como sou muito curiosa, não aguentei e pedi pro Alisson assistir comigo essa semana. É um filme de terror, então se você não curte, melhor nem tentar assistir!

A sinopse de Hereditário, de acordo com o google, não nos revela muito o que esperar do filme. Do jeito que a gente gosta! haha.

hereditário critica blog amores e chiliques socorro sp

“Após a morte da reclusa avó, a família Graham começa a desvendar algumas coisas. Mesmo após a partida da matriarca, ela permanece como se fosse uma sombra sobre a família, especialmente sobre a solitária neta adolescente, Charlie, por quem ela sempre manteve uma fascinação não usual. Com um crescente terror tomando conta da casa, a família explora lugares mais escuros para escapar do infeliz destino que herdaram.”

O filme conta a história de uma forma que você se pergunta o tempo todo se está entendendo os acontecimentos, te bota pra pensar e questionar cada cena. O diretor e roteirista Ari Aster mostra que sabe utilizar elementos clichês do terror sobrenatural sem cair na mesmice, ousando na trilha sonora, movimentos de câmera e ângulos.

O que me surpreendeu demais foi a trilha sonora totalmente diferente do que estamos acostumados. Em momentos de jump scare, Hereditário não precisa daquela música alta e inquietante, utilizando pequenos sons comuns para nos assustar. Em momentos de tensão quando a maioria dos filmes se apoia na trilha sonora, Hereditário ousa e abusa do completo silêncio. Enquanto em cenas totalmente normais, a música simplesmente não para e faz questão de nos deixar tensos esperando algo acontecer.

É um daqueles filmes difíceis de se assistir sozinho. Te deixa apreensivo e agoniado uma boa parte do tempo sem se tornar cansativo. A partir de certo momento no filme, me lembro de ter sentado mais reta no sofá e não desgrudar os olhos da tela, o cérebro a mil tentando processar todas as informações que o roteiro nos entregou de forma que fizesse sentido. Tive certa dúvida se a direção que o filme estava tomando iria dar certo, confesso. Sabe quando tudo está tão bom que você tem medo de que algo estrague aquilo? Foi o sentimento que tive, mas para a minha surpresa, o filme conseguiu entregar uma reviravolta incrível, encaixadinha no roteiro, sem pontas soltas.

Algumas cenas do último ato são de arrepiar de tão agoniantes, te causam um enorme desconforto. A muito tempo não assistia um filme de terror tão bom assim!

A atuação dos atores também tem que ser destacada aqui, principalmente a de Toni Collette. Cada cena dela te colocava lá dentro do filme, impressionante o quanto ela foi convincente. Você se pega sentindo a paranoia, a tristeza, a confusão que a personagem sente.

Hereditário está sendo o queridinho dos críticos de cinema e não é a toa. Como eu disse, fazia tempo que não curtia tanto um terror sobrenatural!

Mas, é claro, como de se esperar, o filme causou muita confusão em alguns telespectadores pelo seu final totalmente imprevisível.

Vou deixar o trailer aqui pra quem tiver curiosidade!

Você aí que assistiu Hereditário: gostou ou não conseguiu entender o final? Deixa aí nos comentários!

DARK | SERIE ORIGINAL NETFLIX

JOGO PERIGOSO | CRITICA

Beijos

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *